Hormônios para Aumentar o Desejo Feminino: Quais são?

Uma das coisas que mais vem sendo pesquisada nos últimos, com toda certeza é a respeito de como aumentar o desejo feminino e quais são os Hormônios para Aumentar o Desejo Feminino.

Até porque, assim como a questão sexual do homem, a da mulher também é um assunto que sempre gera muitas dúvidas nas mesmas.

Afinal, as mulheres sempre querem descobrir novas maneiras para melhorar seu desempenho, e formas para aumentar o desejo sexual e chegar ao orgasmo, para assim alcançar o prazer.

Além disso, mulheres sofrem sim com a redução da libido, e isso acontece por diversos problemas, sendo eles físicos, mentais, ou até por conta do TDSH, que é um transtorno que reduz o desejo.

Dessa maneira, nesse artigo traremos informações sobre o que pode lhe ajudar na diminuição do desejo, quais os problemas relacionados a essa redução e quais são os Hormônios para Aumentar o Desejo Feminino.

Qual os hormônios para aumentar o desejo feminino?

Hormônios para Aumentar o Desejo Feminino

A falta ou redução de desejo é um problema que afeta tanto a saúde mental das mulheres quanto a vida sexual.

No entanto, essa disfunção sexual pode ser causada por diversos aspectos, ou seja, pode ser por conta de problemas psicológicos, físicos, ou caso a mulher tenha o transtorno do desejo sexual hipoativo (TDSH).

Assim, quem sofre com esse transtorno tem a perda ou redução do desejo sexual de forma recorrente, o que pode levar a pessoas a ter problemas nos relacionamentos.

Entretanto, a famosa testosterona, o principal hormônio sexual masculino, ajuda a aumentar o desejo sexual feminino.

Porém, nem sempre é necessário esse tipo de tratamento.

Logo, o mais indicado no início é o tratamento psicológico, onde caso não resolva, é que se pode estudar o uso da testosterona.

Vale ressaltar também, que os níveis de testosterona no sangue diminuem com a avanço da idade, sendo por isso que esses transtornos são encontrados geralmente em mulheres no período pré ou pós-menopausa.

Assim, com o passar da idade e, consequentemente a diminuição da testosterona no sangue, isso influência diretamente na diminuição da libido.

Dessa maneira, quando a falta do desejo exclui do diagnóstico doenças psicológicas, e outros problemas, e confirma que é por conta do TDSH, é recomendado o uso de pequenas doses de testosterona por meio de adesivos ou pomadas, por um curto período.

Além de ajudar na libido, o uso mínimo da testosterona pode trazer resultados positivos para os ossos, função cognitiva, e sistema cardiovascular das mulheres.

O que precisa para aumentar esse hormônio naturalmente?

hormônio para aumentar o desejo feminino

Como a utilização de pomadas e adesivos para aumento da testosterona só é indicada para mulheres que apresentam o transtorno do desejo sexual hipoativo, existem formas naturais para conseguir esse hormônio.

Dessa forma, para quem deseja aumentar o desejo feminino, mas as causas são doenças psicológicas ou outros, você pode adquirir esse hormônio por outros meios.

Inclusive, mesmo que o nível desse hormônio tenha que ser maior nos homens, as mulheres também precisam dele tanto para manter algumas funções do organismo, como para melhorar a libido, a longo prazo, podem funcionar como um viagra feminino.

Sendo assim, para aumentar a testosterona no seu sangue de forma natural é preciso comer mais alimentos ricos em vitamina A e D, e zinco, como, por exemplo:

  • Castanhas
  • Sementes de girassol
  • Ovos, sardinha
  • Espinafre
  • e óleo de peixe.

Aliás, também é bom evitar o consumo de alimentos ricos em açúcar e soja, porque os mesmos podem interferir na produção do hormônio.

Uma outra maneira natural para aumentar a testosterona é reduzir o estresse, e investir em momentos para relaxar e praticar exercícios.

Por isso, procure realizar alguma atividade física que você goste pelo menos 2 vezes na semana duramente 1 hora.

O que pode causar falta de libido na mulher?

mulher desapontada

Uma das causas, não tão comum, mas que pode diminuir a libido da mulher é o transtorno do desejo sexual hopoativo, como já citado antes.

Sendo assim, esse transtorno é caracterizado pela deficiência ou ausência de fantasias sexuais e da libido, onde pode trazer problemas para as pessoas e para as relações da mesma.

Dessa forma, se você estiver sofrendo com isso, pode ocorrer do médico indicar pequenas doses de testosterona.

Além disso, existem muitas outras causas que podem levar a redução da libido, e entre as mais comuns estão:

  • Desequilíbrio hormonal;
  • Diabetes;
  • Problemas cardíacos;
  • Doenças neurológicas;
  • Alcoolismo;
  • Medicações
  • A fase do ciclo menstrual.

Incluindo esses também entra como causa da diminuição do desejo sexual a menopausa, onde nessa fase os ovários fabricam menos hormônios, diminuindo a quantidade de testosterona, que está diretamente ligada com o aumento do desejo feminino.

Ou também, outros fatores que afetam a libido da mulher são as causas psicológicas, e algumas delas são:

  • A aceitação do corpo: onde muitas vezes mulher não acha que seu corpo se encaixa nos padrões da sociedade, trazendo assim a preocupação com o que o parceiro vai achar, fazendo com que o desejo vá embora.
  • Conflito conjugal: em casais sempre existem muitas discussões, decepções e falta de respeito, o que são motivos para trazer a falta de libido.
  • Rotina no sexo: quando se tem sempre uma rotina, mesmas posições, e sem inovações, o sexo acaba se tornando desinteressante.
  • Estresse do dia a dia: pequenos detalhes como trânsito, desemprego, tarefas domésticas e filhos, muitas vezes falta tempo e disposição para as relações sexuais.

Portanto, se você teve uma queda no desejo sexual, essas podem ser causas principais para esse problema.

É claro, o ideal é procurar um especialista, para confirmar o que possa estar causando isso ou usar suplementos naturais com poderes afrodisíacos para melhorar o quadro.

mulher sem libido

Considerações finais

Acredite, é algo totalmente comum, que mulheres venham facilmente a ter problemas de libido, levando a falta de desejo sexual.

Dessa forma, conhecer os hormônios que aumentam o desejo sexual feminino, e as principais causas disso, é um dos primeiros passos que você deve seguir para aumentar o apetite sexual.

Procure um médico especializado, para conhecer e tratar a principal causa, e assim voltar a ter algo tão essencial, que é o desejo sexual.

Nos vemos em breve.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *