Laser Vaginal: 10 Mitos e verdades sobre Laser de Rejuvenescimento Íntimo

É mais do que natural que, com o passar do tempo, o nosso corpo apresente uma série de alterações indesejadas.

Ganho de peso, cabelos brancos, flacidez muscular e ressecamento vaginal estão entre as principais mudanças que incomodam as mulheres, principalmente após a menopausa.

O ressecamento vaginal, por exemplo, pode causar dores nas relações sexuais, ardência e/ou coceira vaginal, infecções urinárias de repetição e corrimentos, prejudicando a qualidade de vida da mulher.

Um tratamento que vem ganhando bastante popularidade é o laser íntimo ou laser vaginal.

Ele é um método rápido, simples, indolor que pode ser utilizado para o tratamento de ressecamento vaginal e outras alterações da vagina e vulva.

No artigo de hoje, separamos 10 mitos e verdades sobre o laser de rejuvenescimento íntimo, espero que vocês gostem!

O que é o laser de rejuvenescimento íntimo?

O laser de rejuvenescimento íntimo é um procedimento que visa restaurar a saúde íntima feminina.

Ele é realizado por ginecologistas especialistas, por meio de um dispositivo semelhante a um aparelho de ultrassom transvaginal com uma ponteira.

A ponteira pode ser aplicada na região interna da mucosa vaginal e na vulva, liberando ondas de calor.

Estas ondas estimulam o aumento da vascularização e a produção de colágeno, resultando em uma melhora da tonicidade e lubrificação local.

Atualmente, existem diversos tipos de laser vaginal com as suas particularidades, destacando-se na Ginecologia principalmente o Erbium e o de CO2.

Para que serve o laser vaginal?

laser vaginal

O laser íntimo é indicado para uma série de alterações na região vaginal e vulvar, destacando-se:

  • Tratar a secura vaginal;
  • Melhorar a lubrificação íntima;
  • Melhorar a vida sexual da mulher, ao melhorar a lubrificação e diminuir a dor na relação sexual;
  • Melhorar a flacidez;
  • Rejuvenescer a área íntima;
  • Ajudar na coloração vulvar e vaginal;
  • Tratar a incontinência urinária leve
  • Tratar líquen escleroso (doença que acomete a vulva).

05 mitos sobre o laser de rejuvenescimento íntimo

mitos e para que serve laser intimo

O laser de rejuvenescimento íntimo é uma tecnologia que ainda gera muitas dúvidas para as mulheres.

Desta forma, mitos e crenças populares sobre o laser vaginal, acabam surgindo.

Por isso, separamos inicialmente os 05 principais mitos sobre o laser íntimo:

  • Só mulher na menopausa pode fazer;
  • Dói;
  • Causa coceira;
  • Tem que fazer todo ano;
  • É muito caro.

Só mulher na menopausa pode fazer

MITO! O laser ginecológico é um procedimento que pode ser realizado em mulheres de todas as idades, desde que apresente indicação médica.

Muitas pacientes jovens, após a gestação ou tratamento com quimioterapia, radioterapia, podem apresentar alterações locais que se beneficiarão do tratamento com laser vaginal.

Dói

MITO! Antes da aplicação do laser íntimo, é realizada a aplicação de um anestésico local, que deixará a região um pouco dormente e anestesiada.

A maioria das mulheres só irão sentir um discreto aumento da temperatura na região, mas sem dor. Cada sessão dura em torno de 15 a 30 minutos.

Causa coceira

MITO! O laser vaginal não causa coceira!

É comum algumas mulheres apresentarem aumento da sensibilidade local até 72h da sessão.

Isso geralmente provoca uma sensação de leve ardência local, mas que é resolvida com o uso de medicamentos analgésicos, Bepantol local, compressas frias e uso de roupas frescas.

Tem que repetir o laser todo ano

MITO! Não é necessário fazer o laser de rejuvenescimento íntimo todo ano.

A quantidade de sessões e o intervalo entre elas varia de paciente para paciente.

Geralmente, são recomendadas três sessões em um intervalo de 30 a 40 dias entre elas. Os benefícios do laser perduram por aproximadamente 2 anos, mas isso é avaliado individualmente a partir de cada caso.

Desta forma, o intervalo para repetir o laser íntimo deve ser individualizado e sempre discutido com o seu ginecologista.

laser vaginal intimo como fazer


É muito caro

MITO! Apesar de ser uma tecnologia super moderna e avançada, atualmente o laser vaginal tornou-se mais acessível.

O valor depende do tipo de laser a ser utilizado, da quantidade de sessões, dentre outras variáveis.

Muitas pacientes já apresentam melhora com apenas 2 sessões e ficam um longo período sem ter que refazer o procedimento.

Desta forma, este é um procedimento acessível e com benefício a longo prazo.

05 verdades sobre o laser de rejuvenescimento íntimo

O laser vaginal para rejuvenescimento íntimo possui inúmeros benefícios, alguns deles são até curiosidades.

Quer saber mais sobre esse tratamento? Confira, a seguir, 05 verdades sobre o laser.

  • Poder usado para aumentar lubrificação feminina;
  • Melhora a flacidez vaginal;
  • Ajuda na coloração vaginal;
  • Pode ser usado no tratamento de incontinência urinária;
  • É feito no consultório.

Poder usado para aumentar lubrificação feminina

VERDADE! O laser de rejuvenescimento íntimo pode ser usado para aumentar a lubrificação feminina na excitação, já que o procedimento auxilia na reestruturação do colágeno e da vascularização da mucosa.

O colágeno é uma importante fibra proteica, feita para sustentar as células da pele e mucosa e, consequentemente, ajudar na lubrificação íntima graças a vascularização da mucosa.

Por isso, o laser vaginal ajuda consideravelmente na lubrificação feminina, além de ajudar a diminuir sintomas como ardor, odor desagradável e corrimentos de repetição.

Melhora a flacidez vaginal

VERDADE! Como citamos acima, o laser íntimo ajuda na produção do colágeno e da vascularização da região.

Com isso, ajuda a reestruturar e sustentar as células da pele e mucosa, melhorando o tônus e diminuindo a flacidez vaginal.

Ajuda na coloração vaginal

VERDADE! Como o laser vaginal aumenta a vascularização local, a coloração da região também melhora, diminuindo a palidez da mucosa vaginal causada pela redução dos hormônios femininos com a menopausa.

Pode ser usado para incontinência urinária

VERDADE! Como falamos, o laser é muito usado para procedimentos estéticos vaginais, mas também é super eficaz no tratamento de incontinência urinária leve.

Vale lembrar que, o laser é utilizado como um tratamento auxiliar de alguns tipos de incontinência urinária.

Desta forma, todo paciente deve ser avaliado por um especialista para definir se este é pertinente para o seu caso.

O laser ginecológico é indicado para mulheres com grau leve de incontinência urinária, já que as ondas emitidas pelo laser fazem com que o tônus da região pélvica seja aumentado.

É feito no consultório?

VERDADE!

Por ser um procedimento minimamente invasivo, é feito dentro do próprio consultório, sob anestesia local, por um médico ginecologista.

O aparelho é muito semelhante ao de ultrassom transvaginal, sendo a aplicação tranquila, indolor, permitindo a liberação das pacientes após a sessão.

Conclusão sobre o laser vaginal

tratamento medico mulher

Como você pôde ver, o laser de rejuvenescimento íntimo possui inúmeros benefícios e ajuda em diversas questões pertinentes a saúde feminina.

Apesar de ainda gerar algumas dúvidas e mitos, o laser vaginal é um tratamento rápido e simples, capaz de proporcionar melhora dos sintomas em alguns dias, além de ter poucas contraindicações ao seu uso.

Gostou do assunto de hoje? Ficou com alguma dúvida sobre o laser íntimo? Entre em contato conosco, vamos adorar responder. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.