Freio do pênis: Como saber se o seu é curto? Tudo sobre o freio do pau

Querendo ou não, hoje muitos homens tem bastante dúvida a respeito do freio do pênis, na curiosidade de saber se o seu é curto, se poderá romper e dentre outras coisas.

Até porque, um freio de pênis curto pode causar uma tensão muito forte durante uma ereção, e até atrapalhar muitas vezes o desempenho sexual do indivíduo.

Logo, atividades consideradas simples e normais do homem, como o contato íntimo, pode vim a causar dores, e muitas vezes até sangramento.

Ou seja, o problema relacionado a isso muitas vezes necessita o tratamento correto, na finalidade de reduzir as dores, e tornar uma atividade como relações sexuais, algo muito mais prazeroso.

Portanto, para que você possa entender melhor, citaremos tudo a respeito do freio do pênis, mostrando estratégias para identificar se o seu é curto, e qual o tratamento mais correto na atualidade.

O que é um freio do pênis curto?

freio do pênis curto

O freio do pênis é a prega elástica da pele que une a parte inferior da glande (cabeça do pênis) com a superfície interna do prepúcio. Sua função é ajudar o prepúcio a se contrair sobre a glande.

Um freio do pau curto (também conhecido como frênulo breve) é quando o freio do pênis é tão curto que restringe o movimento que o prepúcio pode fazer – o freio deve ser longo o suficiente para permitir que o prepúcio se reestruture suavemente, mas um freio do pênis curto geralmente torna isso impossível.

Infelizmente, isso causa desconforto durante a relação sexual, ou qualquer outro contato íntimo, prejudicando o desempenho e até o prazer, além de dar uma impressão de pênis menor.

Prognóstico médico

freio do pau como retirar

O principal problema do freio do pau curto é o desconforto que causa, assim como problemas durante a relação sexual.

Além disso, esse problema pode dificultar até mesmo a manutenção da higiene, pois pode atrapalhar a limpeza sob o prepúcio, aumentando o risco de infecções no pênis.

E, saiba que a falta de higiene é hoje um dos principais fatos que levam a amputação do pênis no Brasil e mundo. Cerca de 1600 pênis são amputados por ano, sendo a maioria por falta de higienização apropriada.

Uma possível consequência de ter um freio do pau curto é que ele pode rasgar, geralmente durante a atividade sexual.

Isso pode ser doloroso e pode sangrar, mas não é uma emergência médica.

Um freio do pau rompido pode até mesmo conseguir se cicatrizar naturalmente, de forma que o freio fique mais comprido.

Mas, se o tecido cicatricial se tornar ainda menos flexível, o problema pode piorar.

Por fim, se um freio do pênis curto está prejudicando sua capacidade de fazer sexo ou causando outros problemas graves, é necessário fazer um tratamento ou consultar o médico para saber, qual a melhor solução para cada caso.

Sintomas de freio do pênis curto

O principal sintoma é a dificuldade de puxar o prepúcio, bem como a dor e a tensão no pênis.

Essa dor aumenta durante a relação sexual e pode rasgar e causar sangramento por causa da concentração de sangue na área.

Dessa forma, se você está passando por esse problema, saiba que uma das principais causas pode ser esse problema.

Hoje, esse é um dos principais sinais de que algo não está certo, e muitos homens que tem esse problema, até mesmo acabam evitando ter relações sexuais com suas parceiras. Isso pode causar uma certa impotência no homem e pode ser constrangedor.

Exames médicos

Um freio do pênis curto é frequentemente diagnosticado como fimose (onde o prepúcio é muito apertado para ser puxado para trás), devido ao principal sintoma comum de ser incapaz de retrair o prepúcio, mas não é a mesma doença.

O médico deve realizar um exame físico para avaliar o problema e o grau dele, sabendo assim, a melhor solução para tratamento.

Tratamento para esse problema

Existem diferentes métodos para tratar um freio do pênis curto, dependendo de sua gravidade.

Em alguns casos, cremes esteroides e exercícios de alongamento podem ser suficientes para alongar suficientemente o freio do pau.

Em muitos casos, no entanto, a cirurgia é a única solução real e eficaz.

Existem várias técnicas cirúrgicas que podem ser utilizadas, incluindo a cirurgia plástica reparadora (frenuloplastia), a ressecção do freio (frenectomia) ou a circuncisão.

frenuloplastia do pênis

Além disso, depois da cirurgia, o pênis fica maior, fazendo com que ele consiga se esticar mais, elevando a sua altura e ficando completamente ereto, sem freio.

Nesse sentido, você precisa saber que apenas um médico especialista poderá indicar qual o tratamento ideal para aquele tipo de caso.

Qual especialista trata o freio do pênis curto?

Os urologistas são especializados no tratamento de todas as condições da genitália. Nesse campo, os andrologistas lidam especificamente com questões sexuais e reprodutivas masculinas.

Você precisa saber que ambos os profissionais podem te dar um suporte nesse caso.

Exercícios que podem ajudar a alongar o freio do pênis

Alguns médicos podem sugerir exercícios de alongamento para facilitar a soltura do freio. Esses exercícios devem ser realizados com cautela sob orientação médica.

Além disso, lembre-se de que você só deve tentar alongar o freio suavemente. Se você tende a esticar com força todo o prepúcio, isso pode piorar o quadro.

Aqui vai uma dica rápida para você: todos os dias, ao tomar banho de água quente ou chuveiro, tente alongar o freio do pau suavemente. A alta temperatura da água auxilia no fácil afrouxamento do frênulo.

Você também pode usar óleo de coco para massagear o pênis. Ele funcionará como um lubrificante e ajudará no alongamento. Pratique este exercício de alongamento todos os dias por 10-15 minutos.

No entanto, é válido ressaltar que a procura por um profissional especializado na área é indispensável.

Somente assim você conseguirá obter resultados satisfatórios sem nenhum tipo de imprevisto com o freio de pau.

medico urologista consulta

Considerações finais

Está sofrendo com o freio do pênis? Procure um tratamento especializado hoje mesmo?

Garanta que as suas relações sexuais sejam prazerosas, e que esse tipo de problema não venha a prejudicar a sua experiência e até desempenho.

Nos vemos em breve.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *